EgiptologiaBrasil
Bem-vindo ao fórum Egiptologia Brasil! Zen

Faça seu cadastro ou login gratuitamente.
Ao se cadastrar, você ganhará o direito de escrever mensagens, responder e publicar tópicos, tirar suas dúvidas e muito mais.

O cadastro leva menos de um minuto.


Atenciosamente, Equipe Egiptologia Brasil.
Acompanhe no Facebook
Conectar-se

Esqueci minha senha

Os membros mais ativos do mês


Neolítico do Vale do Nilo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Neolítico do Vale do Nilo

Mensagem por Amunherkhepeshef em 20th Outubro 2014, 7:05 pm


O neolítico do vale do Nilo é caracterizado pelo surgimento da agricultura (os vestígios mais antigos de tal prática provém de Faium), no entanto, a falta de evidencias ocupacionais datáveis do milênio VI a.C. no Vale do Nilo dificulta a total compreensão de tal fenômeno: "A falta de depósitos geológicos no vale do Nilo ao norte de Aswan, que podem ser datadas entre 8000 e 5 000 a.C. dificulta a compreensão dos princípios de uma economia de produção de alimentos nesta área (...) Tem sido apontado, muito corretamente, que não há razão para acreditar que as culturas Faium A e Badariana são necessariamente as mais antigas culturas produtoras de alimentos nesta parte do Vale do Nilo". Seidlmayer sugere que embora ainda hoje não exista evidência artefactual, "a originalmente característica heterogênea do neolítico egípcio pode ser explicada somente se ela surgiu dessa maneira".

A economia do Vale do Nilo era baseada na domesticação animal (bovinos, caprinos, suínos e ovinos; iniciada em 10000 AP) e na agricultura (trigo e cevada), práticas até mesmo em períodos tardios complementadas pela caça e pesca; as primeiras técnicas de curtume de peles foram desenvolvidas. A agricultura surgiu em um momento marcado por melhorias das condições climáticas: em torno de 5 000 a.C. lençóis freáticos do Saara evidenciam gradual elevação, contudo, em outros lugares da África é possível constatar que corpos d'água secaram durante o período. Além disso, a partir de 7500 AP (5 000 a.C.) são evidentes os sinais de agricultores em tempo integral: "A agricultura tem inércia tão grande, porque uma vez que as pessoas começam a fazer e usar grandes nós, silos de armazenamento de grandes grãos, foices, e todo o resto do conjunto de ferramentas dos agricultores primitivos, há um forte incentivo para não se deslocar".

A cerâmica tornou-se abundante e o conjunto de ferramentas líticas é alterado (técnicas introduzidas da África, Levante ou sudoeste asiático), contudo, ainda é possível evidenciar a continuidade de sistemas aborígenes: "Enquanto a economia neolítica do Egito parece ser uma extensão da que foi encontrada no Oriente Próximo, um antigo padrão indígena de caça, pesca e utilização de plantas selvagens parece ter desempenhado um importante papel na economia de subsistência do Egito até o período pré-dinástico tardio".



"Keep your eyes on the stars, and your feet on the ground."
Theodore Roosevelt
Administrador
avatar
Amunherkhepeshef
Administrador

Masculino
Mensagens : 125
Reputação : 29
Idade : 25
Data de inscrição : 07/05/2013
Pensativo

Respeito às Regras :
100 / 100100 / 100


Ver perfil do usuário http://www.egiptologiabrasil.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum